Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 5º Dia da Fruticultura foca na difusão de tecnologias como facilitadora do plantio

Notícias

5º Dia da Fruticultura foca na difusão de tecnologias como facilitadora do plantio

Dia de campo

O evento foi realizado pelo IFTO de Araguatins e contou com participação da comunidade da região do Bico do Papagaio
por Thâmara Filgueiras publicado: 09/10/2023 17h32 última modificação: 09/10/2023 17h33

Dia da Frulticultura 6.jpgReunir saberes que contribuam para a melhoria do cultivo de diferentes frutas é o principal objetivo do Dia da Fruticultura - evento que está na quinta edição e é realizado na unidade de Araguatins do Instituto Federal do Tocantins (IFTO). Neste ano, mais de 500 pessoas participaram do evento - um público formado por professores, estudantes, produtores rurais, outros profissionais da agronomia e pessoas interessadas pelo tema.

A programação contou com a palestra "Dia de campo como difusão de conhecimentos e tecnologias", ministrada pelo extensionista rural Danny Alexandre Ferreira, do Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins (Ruraltins). O evento também contou com apresentações feitas pelos próprios estudantes da unidade e foi divida por tipos de cultivares, como açaí, banana e frutos cítricos, além do conceito de quintal agroecológico e produtivo.

O professor do IFTO de Araguatins Edvar Silva, que esteve à frente do evento, disse que entre os objetivos do evento está a promoção de formação além da sala de aula, com foco no mundo do trabalho. "O evento é uma grande oportunidade de troca de experiências entre os participantes, além da promoção de ação de extensão e divulgação institucional, por meio do fortalecimento das parecerias com outras instituições", explicou.

Dia da Frulticultura 4.jpg

Foi nesse sentido que a técnica do Ruraltins Conceição dos Santos, que é engenheira agrônoma, parabenizou pela realização do evento. "A parte prática é de suma importância e necessária para a formação de um profissional qualificado. Os estudantes se mostraram bastante empenhados e dedicados em apresentar de forma direta o que os produtores querem ouvir", disse a profissional.

Para Adão Silva, que é professor na Escola Família Agrícola do Bico do Papagaio Padre Josimo, discutir o tema da agricultura é importante, em especial, considerando os reflexos das mudanças climáticas. "É uma satisfação muito grande participar deste evento, que abrange muitas áreas importantes, como a relação do meio ambiente e das pessoas, pois aqui estamos vivendo um momento crítico com a questão climática", destacou o professor.

Estiveram presentes representantes de instituições parceiras: Lúcia Lopes da Silva Oliveira, supervisora regional de apoio do Ruraltins; Wolney Nóbrega, gerente regional do Sebrae; Wanderson Lopes e Arielma Lopes, representantes da cooperativa de crédito Sicredi. Também participaram do evento grupos formados por servidores e estudantes das Escolas Estaduais Leônidas G. Duarte e Manoel Vicente, do município de Augustinopólis.

Dia da Frulticultura 7.jpg

Confira mais fotos do evento.

Entenda o conceito de quintal agroecológico

Consiste em um sistema produtivo que busca aproveitar um pequeno espaço de maneira eficiente. É normalmente utilizada como uma alternativa sustentável para a geração de renda para famílias agricultoras.

O quintais agroecológicos integram vários subsistemas, como jardim, hortas, fruteiras, plantas medicinais e pode contar também com a criação de pequenos animais. O sistema ainda pode ser complementado com a compostagem, favorecendo o sistema com a possibilidade de aplicação da adubação orgânica, resultando em uma agregação de valor ao que é cultivado.

(Com informações da Associação Brasileira de Agroecologia e do Governo da Paraíba)