Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Unidade de Colinas do TO aprova retorno gradual das atividades presenciais de ensino

Notícias

Unidade de Colinas do TO aprova retorno gradual das atividades presenciais de ensino

2022

Comunidade acadêmica foi ouvida por meio de consulta e reuniões
por Mayana Matos publicado: 21/12/2021 20h49 última modificação: 23/12/2021 09h20

A unidade de Colinas do Tocantins, do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), aprovou o retorno gradual das atividades presenciais de ensino, com previsão para início em fevereiro de 2022.

Servidores docentes e técnicos administrativos da unidade aprovaram a medida durante reunião realizada no dia 17 de dezembro. Na ocasião, foi apresentada aos participantes a Comissão responsável pela elaboração do Plano de Retorno Gradual das Atividades Presenciais do Campus Colinas do Tocantins que, junto ao Grupo de Trabalho Ensino, expôs três propostas para análise e deliberação da comunidade acadêmica.

Com 81,8% dos votos, foi aprovada a proposta III, que prevê um retorno gradual, com início do semestre letivo dia 1º de fevereiro, ainda em formato totalmente on-line. Do dia 1º até o dia 11 de fevereiro, as aulas serão retornadas em formato remoto, período no qual os servidores terão momentos para capacitação e organização. Do dia 14 ao dia 25 de fevereiro,  serão em formato híbrido. E a possibilidade da realização das atividades totalmente presenciais a partir do dia 7 de março, caso o cenário de controle da pandemia seja positivo, com o avanço da vacinação, além dos fatores epidemiológicos. 

Planejamento

Ainda durante a reunião, o planejamento das ações e as principais estratégias de retorno seguro da comunidade acadêmica foi apresentado pelos Grupos de Trabalho Infraestrutura e Comunicação, bem como pelo Grupo de Trabalho Saúde. Na reunião, foram explanados os resultados de uma consulta feita, por meio de um formulário eletrônico, à comunidade acadêmica sobre o retorno gradual das atividades presenciais. Também foi apresentada a minuta do documento que está sendo construído sobre as principais orientações para o retorno, no sentido de oferecer maior segurança aos servidores, estudantes e equipe de colaboradores.

Outros pontos, como a a organização necessária do ambiente escolar e das salas de aulas conforme os protocolos de biossegurança contra à Covid-19 também foram explanados.