Você está aqui: Página Inicial > Notícias > IFTO promove ação para contemplar estudantes com dificuldades de acesso a computadores e internet

Notícias

IFTO promove ação para contemplar estudantes com dificuldades de acesso a computadores e internet

Pandemia

Chips com internet 3G serão entregues e dispositivos serão emprestados
por Mayana Matos publicado: 03/09/2020 12h01 última modificação: 03/09/2020 14h11

São muitos os desafios impostos pela pandemia decorrente do novo coronavírus (Covid-19). Neste contexto, o Instituto Federal do Tocantins (IFTO) tem se empenhado em minimizar os impactos negativos, e buscar adequações para continuar ofertando, com o menor prejuízo possível, os serviços ofertados. 

Atento às dificuldades de sua comunidade neste período de atividades remotas, dentre outras ações que estão sendo realizadas, neste segundo semestre, o Instituto vai emprestar aproximadamente 1.700 equipamentos eletrônicos aos estudantes que apresentam dificuldades de acompanhar o ensino remoto por falta de computador. A partir de um levantamento feito conforme as situações apontadas por professores e estudantes, foi possível verificar quem encontra-se com dificuldades de acesso ao Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), durante a oferta do ensino remoto, seja pela falta de dispositivos, seja pela falta de conexão à internet. 

"De posse do equipamento, o estudante deverá acessar o AVA e dar continuidade aos estudos. Deverá zelar pelo equipamento e responsabilizar-se de acordo com o previsto em regulamento próprio e o termo de responsabilidade e empréstimo. Essa ação é muito importante pois impacta diretamente na permanência e êxito dos nossos estudantes com limitação de acesso ao AVA e outras atividades inerentes ao processo de ensino. A entrega será por ordem de vulnerabilidade socioeconômica e os estudantes contemplados são aqueles que precisam de computador para solucionar o problema de acesso", esclareceu a pró-reitora de Assuntos Estudantis, Marilene Sepulvida.  

A Instituição possui um parque computacional que, no momento, não está sendo usado devido à suspensão das atividades presenciais. Estes equipamentos já estão nos laboratórios de informática das unidades e serão, nesta ação, emprestados aos estudantes. 

Nesta direção, o IFTO está participando de programa do Ministério da Educação (MEC), via Rede Nacional e Ensino e Pesquisa (RNP), que vai custear as despesas de internet para os estudantes com renda de até 0,5 salário mínimo. O MEC/RNP realizou processo licitatório para toda a Rede Federal de Educação. Com esta medida, serão contemplados, neste primeiro momento, 2.661 estudantes do IFTO. Na prática, os estudantes receberão chips com internet 3G, de modo a garantir o acesso ao ensino remoto ofertado. 

Para além desta iniciativa, o mesmo processo licitatório possibilitou ao IFTO custear acesso à internet, com recurso próprio, para estudantes com renda de 0,5 a 1,5 salários mínimos. O gerenciamento desta contratação também está sob a responsabilidade da RNP. O IFTO aguarda o andamento do processo para dá prosseguimento na ação que poderá beneficiar aproximadamente outros 4.100 estudantes. Juntos, os processos chegam próximos aos 7 mil estudantes a serem contemplados no IFTO, uma porção significativa do corpo discente.

O diretor de Tecnologia da Informação do IFTO, Kleyton Matos, ressalta que a ação está em fase de implantação. "Já fizemos o termo de adesão ao projeto e enviamos todos os dados para a RNP, que está gerenciando o processo. Estamos aguardando que nos enviem os chips e, desta forma, sejam distribuídos para as unidades e, consequentemente, aos estudantes", disse. As unidades farão a distribuição aos estudantes em situação de vulnerabilidade conforme orientação do MEC e a logística será acompanhada pela Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Proae).