Você está aqui: Página Inicial > Notícias > IFTO e Prefeitura realizam ação conjunta em Dianópolis

Notícias

IFTO e Prefeitura realizam ação conjunta em Dianópolis

Projeto Técnico

Parceria visa resolver problemas de erosões na cidade.
por Filipe Borges publicado: 22/03/2022 17h55 última modificação: 19/10/2022 11h11
Exibir carrossel de imagens Parceria entre Prefeitura e IFTO

Parceria entre Prefeitura e IFTO

O Campus Dianópolis do IFTO, em parceria com a Prefeitura de Dianópolis e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Turismo e Cultura (SEMATUC), visitou áreas afetadas pelas chuvas no Setor Santa Luzia, em Dianópolis. O local atualmente sofre com o aumento de erosões provocadas pelas chuvas que colocam os moradores em risco e afeta o trânsito na cidade.


A parceria visa encontrar soluções técnicas e definitivas para o problema. De acordo o secretário da pasta, Magno Moura, outros bairros serão beneficiados futuramente: “Estamos atentos e preocupados com essa situação. Iniciamos pelo setor Santa Luzia, mas será realizado um diagnóstico em toda a cidade. Por isso, será elaborado um projeto técnico para viabilizar medidas que irão recuperar, por etapas, as áreas do setor afetadas pelas erosões”.


Para o diretor-geral Pietro Lopes Rêgo, também presente na visita, a cooperação entre as instituições traz inúmeros benefícios ao município: “Ajudar a solucionar problemas da nossa cidade mostra que a força e a influência do Instituto e da educação vão muito além do ensino. A prática transforma, e nos sentimos felizes em poder ajudar.”


O secretário de Obras e Transportes, Camerino Batista, esteve presente e se colocou à disposição na busca de soluções para os problemas apresentados. Para além dos citados, também estiveram presentes o diretor de meio ambiente da Sematuc, Rogers Vasconcellos, as fiscais de meio ambiente da Sematuc, Luziene Santos e Marinalva Dias e os docentes do IFTO, Alberto Cardoso, Otacílio Silveira e Luiz Norberto Lacerda, doutorando em engenharia ambiental na Universidade de Aveiro, em Portugal, além de membros da sociedade civil.