Você está aqui: Página Inicial > Notícias > IFTO discute parceria com Codevasf para ações de revitalização do rio Taquari

Notícias

IFTO discute parceria com Codevasf para ações de revitalização do rio Taquari

Ações

Projetos devem ser encaminhados a Codevasf até final de setembro
por Kelinne Guimarães publicado: 14/09/2020 09h31 última modificação: 14/09/2020 10h45

O diretor-geral da unidade Araguatins do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), Josafá Carvalho Aguiar, participou na quarta-feira, 9, de uma reunião com representantes da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e da Prefeitura de Araguatins. Na oportunidade, foram discutidas possibilidades de parcerias entre as instituições para execução de futuros projetos que visem à revitalização do rio Taquari, localizado no município de Araguatins. Vale destacar que a reunião foi articulada por  Seledonio Lima Júnior que coordena um projeto de revitalização do mesmo rio  já existente em  Araguatins. 

Entre as ações discutidas está o aumento de produção do viveiro da unidade de ensino para recomposição da mata ciliar do rio Taquari. Além de atividades relacionadas à apicultura, piscicultura e irrigação. Ficou acordado, ao término da reunião, que até o final de setembro a unidade Araguatins do IFTO encaminharia à Codevasf projetos passíveis de captação de recursos para sua execução.

A Codevasf é uma empresa pública brasileira, destinada ao fomento do progresso das regiões ribeirinhas dos rios São Francisco e Parnaíba e de seus afluentes, nos estados de Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Alagoas, Distrito Federal, Goiás, Sergipe, Piauí e Maranhão. Sua sede e foro ficam em Brasília. ( Fonte: https://www.codevasf.gov.br) .
Reunião
Representaram a Codevasf, durante a reunião, Charles Fabian e o ex-deputado Homero Barreto, a Prefeitura Araguatins foi representada por Márcio Santana. Já do IFTO participaram o diretor-geral, Josafá Carvalho Aguiar, o diretor de ensino Claudio Galvão, a coordenadora do curso técnico em Agropecuária, Carla Cristina Silva e o coordenador do viveiro da unidade Araguatins, Leandro Oliveira.