Você está aqui: Página Inicial > Notícias > I Seminário sobre o Movimento Maker na Educação será realizado em Gurupi

Notícias

I Seminário sobre o Movimento Maker na Educação será realizado em Gurupi

“faça você mesmo”

Especialistas renomados na área vão abordar o assunto durante o evento
por Mayana Matos publicado: 25/06/2021 10h39 última modificação: 25/06/2021 11h14

O Instituto Federal do Tocantins (IFTO) realizará, na unidade de Gurupi, o I Seminário sobre o Movimento Maker na Educação. O evento será no dia 30 de junho, a partir das 16h, por meio da plataforma Google Meet. 

De acordo com a organizadora do evento, professora Rosângela Martins de Oliveira, o objetivo inicial é conhecer, compartilhar e, assim, transformar todos os envolvidos em makers, bem como apresentar o espaço maker da unidade de Gurupi. "O espaço maker proporcionará aos estudantes desenvolver habilidades como  pensamento crítico, criatividade, pesquisa e questionamento, iniciativa, persistência, uso da informação, pensamento sistematizado, comunicação e reflexão", cita. 

Segundo os responsáveis pela iniciativa, o movimento maker está caracterizado pela ideia do “faça você mesmo” (Do it yourself-DIY) ou “faça com os outros”, e iniciou-se na década de 1990. O movimento tem premissas que se resumem em duas características básicas: a aprendizagem colaborativa e o protagonismo do indivíduo. 

Programação

Ao longo da programação do evento, será apresentado o espaço maker da unidade de Gurupi, que conta com impressoras 3D, ferramentas, kit Arduino robótica e laptops. Espaços como estes também serão utilizados para exercitar a criatividade, a autonomia, e desenvolver atitudes críticas e o aprendizado por colaboração, e dessa forma, concretizar os ideais do movimento maker. O uso do espaço maker da unidade de Gurupi será compartilhado com as unidades de Formoso do Araguaia, Dianópolis e Lagoa da Confusão, e futuramente pela comunidade externa.

O evento contará com a participação da professora Miriam Gonçalves de Chaves (SP), que apresentará suas experiências com o movimento maker na educação e do professor Éliton Meireles de Moura (SP), que realizou uma parte do seu doutoramento na Stanford University sob orientação do professor Paulo Blikstein, um renomado pesquisador do movimento maker na educação. O momento será de troca de experiências. Na ocasião, a professora Rosângela Martins de Oliveira apresentará o espaço maker e algumas experiências do universo maker realizadas na unidade de Gurupi.

Inscrições

As inscrições são gratuitas e poderão ser realizadas através deste  formulário eletrônico: https://forms.office.com/r/4guEWNr7Kr . O encontro será realizado pela plataforma Google Meet, através deste link: https://meet.google.com/ncd-tpup-dfh