Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Direitos Humanos será tema central de um ciclo de palestra promovido nos dias 12,14 e 19 de maio

Notícias

Direitos Humanos será tema central de um ciclo de palestra promovido nos dias 12,14 e 19 de maio

Extensão

Evento foi idealizado e será executado por estudantes do 7º período de Licenciatura em Ciências Biológicas
por publicado: 10/05/2022 15h14 última modificação: 10/05/2022 15h18

Nos dias 12, 14 e 19 de maio será realizado um ciclo de palestra, com o tema: Diretos humanos, um olhar para as causas regionais, no auditório Pioneiros, da unidade de Araguatins do IFTO. O evento é um desdobramento de um projeto, que tem como objetivo proporcionar aos alunos do ensino superior, professores e público externo um debate sobre temáticas que envolvem os Direitos Humanos, com um olhar para nossos problemas regionais.

O professor do IFTO, Jorlan Lima Oliveira, explica que projeto de extensão nasceu a partir das discussões geradas durante a disciplina de Direitos Humanos ministrada na turma do 7º período do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas. Sendo idealizado e executado pelos acadêmicos sob a sua direção.

No dia 12 maio, quinta-feira, ocorrerá a palestra: Sexualização de crianças e adolescentes: uma temática a ser discutida, às 19h. Tendo como palestrantes: Maria de Jesus Pereira dos Santos (Conselheira Tutelar); Dioneis Brito da Silva (Conselheiro Tutelar) e Kelmy Paz Sousa (Conselheiro Tutelar).

Já no dia 14, sábado, o tema será educação inclusiva, o professor Dr. Júlio Cesar Queiroz de Carvalho será o palestrante. Dia 19 de maio, quinta-feira, a palestra: “Infanticídio indígena e a Violação dos Direitos humanos”, tendo como palestrante Maysa Alves da Cruz Cardoso (Bacharel em Direito) e iniciará às 19h.

O interessado em participar do evento deve realizar inscrição gratuita, no endereço: http://www.grupodesenvolvimento.com.br/siepex/index.php?p=home_acao&acao=buscar&pag=66. Serão emitidos certificados de 2h por palestras.

 

Saiba mais sobre os temas das palestras


“SEXUALIZAÇÃO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES: uma temática a ser discutida”.  Todos os dias crianças, adolescentes e jovens são submetidos à crimes sexuais e têm seus direitos violados de várias formas no Brasil. O ponto mais crítico deste fato é que a maior parte dos abusos se procedem dentro do próprio ambiente familiar, local este que deveria servir de refúgio. O que leva a crer que seja uma questão demasiadamente complexa, que circunda todas as camadas sociais, incluindo majoritariamente às classes menos favorecidas.
 
“Infanticídio indígena e a Violação dos Direitos humanos”. Os índios são vistos como um símbolo cultural que ainda hoje mantem uma grande parte de suas crenças e costumes de milhares de anos. O infanticídio indígena é uma prática que já ocorre há vários séculos em algumas tribos indígenas brasileiras, e tem como vítimas crianças de várias idades. Conforme essa prática foi sendo exibida para toda a sociedade, também foi surgindo questionamentos, se esse costume é um simples hábito arraigado nas tradições indígenas ou se representa uma grave lesão ao direito à vida.

Educação Inclusiva. A educação inclusiva busca refletir sobre as políticas de inclusão, considerando-se a realidade educacional contemporânea, os paradigmas conceituais e as novas leis que vem sendo criadas e defendidas em documentos nacionais e internacionais. Trazem reflexões sobre a necessidade de se compreender, que o fato da inclusão a escola precisa ser tratado com veracidade, e ser visto como compromisso governamental no sentido de efetivar investimentos em implementações e projetos educacionais necessários para uma verdadeira inclusão. A escola, é a principal instituição que serve de fonte para construção do conhecimento, e tem sido confrontada com o desafio de tornar-se "inclusiva". De acordo com Franco & Gomes (2020) “Na educação inclusiva, alunos e professores são aprendizes, compartilham conhecimentos, aprendem de diversas maneiras e não se enquadram em resultados padronizados pela escola ou pelo professor”.

Programação
Palestra: SEXUALIZAÇÃO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES: uma temática a ser discutida. Palestrantes: Maria de Jesus Pereira dos Santos (Conselheira Tutelar); Dioneis Brito da Silva (Conselheiro Tutelar) e Kelmy Paz Sousa (Conselheiro Tutelar).
Data e hora: 12.05.2022 às 19h.
Local: Auditório do Pioneiros (Instituto Federal unidade de Araguatins)
______
Palestra: “Educação Inclusiva”.
Palestrante: Prof. Dr. Júlio Cesar Queiroz de Carvalho
Data e hora: 14.05.2022 às 19h.
Local: IFTO – Canal oficial da unidade de Araguatins no  Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCc2FyJmuu_oLEB3MAmNbD9A
______
Palestra: “Infanticídio indígena e a Violação dos Direitos humanos”.
Palestrante: Maysa Alves da Cruz Cardoso (Bacharel em Direito)
Data e hora: 19.05.2022 às 19h.
*Local:*Auditório do Pioneiros (Instituto Federal unidade de Araguatins)