Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Campus Araguatins inaugura Observatório de Física Espacial

Notícias

Campus Araguatins inaugura Observatório de Física Espacial

Inauguração

O Observatório de Física Espacial é resultado de uma parceira entre IFTO e a Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), firmada em 2016
publicado: 14/06/2018 12h34 última modificação: 14/06/2018 12h34
Inauguração do observatório de Física Espacial

Inauguração do observatório de Física Espacial

O Campus Araguatins, do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), deu um passo importante na área da astrofísica, na última quarta-feira, 13, com a inauguração do Observatório de Física Espacial, resultante de uma parceria entre IFTO e a Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), firmada em 2016.

A inauguração contou com dois momentos. O primeiro realizado no auditório Pioneiros e o segundo no próprio Observatório. No auditório, o professor da UNIVAP, doutor Paulo Roberto Fagudes, fez uma breve apresentação do Observatório e dos equipamentos que estão presentes nele. Fagudes aproveitou o momento, também, para agradecer o apoio do professor, Décio Dias dos Reis, que no período em que foi realizada a parceria com o IFTO estava à frente da direção geral do Campus Araguatins.

O diretor-geral do Campus Araguatins, Josafá Carvalho Aguiar, que participou das primeiras conversações para a implantação do laboratório, ainda, na condição e professor de física e doutorando da UNIVAP, declarou durante a solenidade que o Observatório de Física Espacial tem relevância regional, nacional e até internacional. Segundo ele, quatro servidores do Campus Araguatins tiveram a oportunidade de ingressar na pós-graduação em nível de doutorado nessa área, o que proporcionará o desenvolvimento de pesquisas científicas na unidade de ensino com o funcionamento do Observatório.

De acordo com o diretor da escola Estadual Osvaldo Franco, Eliabe Antonio Miguel, que esteve presente na inauguração, o Observatório é uma ganho espetacular para a comunidade científica ou não de Araguatins. “Há mais de 10 anos que desenvolvemos a Olimpíada de Astronomia e Astronáutica nas escolas da cidade de Araguatins, fazendo lançamentos de foguetes de garrafas PET, construindo mapas no céu com materiais precários e pequenas experiências sobre Física Espacial. Agora o que podemos dizer? Nós temos um observatório Espacial em nossa cidade, e o mais importante, é do nosso parceiro IFTO”, onde temos ligações diretas de acesso e parceria.” Declarou com entusiasmo o diretor Eliabe.

Já para a professora, Cleidiane Batista, também, da escola Osvaldo Franco, o Observatório abre um leque de possibilidades e motivações na área de física para os alunos de Araguatins, uma vez que o conhecimento precisa ser experimentado, e o Observatório possibilitará essa experiência com a física espacial.

A inauguração teve, ainda, a participação de representante do executivo e legislativo municipal, servidores do IFTO e professores da rede estadual de ensino.

Observatório de Física Espacial

O Observatório do Campus Araguatins faz parte de uma rede de observatórios localizados nas cidades São José dos Campos (SP), Palmas (TO), Manaus (MA) e Jataí (GO).
O principal objetivo do observatório é estudar o acoplamento Sol-Terra, eletrodinâmica da ionosfera e acoplamento entre a alta atmosfera- ionosfera.
Recentemente, as pesquisas relacionadas com a Física da Ionosfera assumiram uma importância muito grande, visto que a ionosfera interfere com a propagação de ondas eletromagnéticas, ondas estas que são utilizadas nas transmissões entre satélite-solo e satélite-satélite. A ionosfera pode absorver, refletir ou refratar a onda eletromagnética. Vale destacar que diariamente fazemos uso frequente de ligações com celulares, transações bancárias, geoprocessamento, agricultura de precisão e do sistema de GPS e todas estas tecnologias dependem da comunicação de satélites.