Sobre o Curso

por Diretoria de TI publicado 10/07/2017 11h00, última modificação 19/06/2019 10h29

Engenharia Agronômica

Diretor-geral: Miriam Peixoto Soares da Silva
E-mail: pedroafonso@ifto.edu.br
Telefone: (63) 3466-1633

Coordenador(a): Maurício Donato de Moura Júnior
E-mail: mauricio.junior@ifto.edu.br
Telefone: (63) 3466-1633

Dados Gerais
Grau Bacharelado
Área do Conhecimento Ciências Agrárias
Turno

Integral: Vespertino e Noturno (Maior período de concentração das aulas)

Duração do Curso

05 anos ou 10 semestres 

Autorização

Aprovado pela Resolução ad referendum nº 3/2019/CONSUP/IFTO, de 24 de janeiro de 2019, e convalidado pela Resolução nº 5/2019/CONSUP/IFTO, de 27 de fevereiro de 2019.

Reconhecimento
Renovação de Reconhecimento
Conceito ENADE
Conceito Preliminar do Curso (CPC)

Objetivo Geral: Formar Engenheiros Agrônomos com capacidade humanística, técnico-científica e com postura técnica pró-ativa, capazes de atuar com princípios da ética profissional, de modo a contribuir para o planejamento, o gerenciamento, a execução dos processos sustentáveis de produção, industrialização e comercialização agropecuária, visando a melhoria das condições socioeconômicas e o desenvolvimento agropecuário sustentável no Estado do Tocantins e/ou nos demais estados do Brasil. 

 

Objetivos Específicos: Formar Engenheiros Agrônomos com competências e habilidades necessárias diante das demandas atuais do sistema agrícola buscando produzir alimentos de maneira sustentável e rentável;

Capacitar técnica e empresarialmente os egressos de nível médio vocacionados para a área de ciências agrárias;

Oportunizar ensino superior de qualidade a estudantes egressos dos Cursos Técnico em Agropecuária e Técnico em Informática, das modalidades concomitante e subsequente ao ensino médio, já ofertados no Campus Avançado Pedro Afonso;

Estimular o desenvolvimento das capacidades pessoais dos estudantes de maneira a potencializar a capacidade empreendedora;

Estimular o desenvolvimento das capacidades pessoais dos estudantes de maneira a formar cidadãos e profissionais éticos;

Contribuir para a formação integral dos estudantes, necessária à atuação responsável e idônea da atividade profissional, buscando refletir sobre a dinâmica do contexto e contínuas mudanças no desenvolvimento tecnológico regional e nacional do setor agropecuário;

Desenvolver competências e habilidades humanas voltadas para os aspectos sociopolíticos e para o desenvolvimento sustentável da região;

Fornecer conceitos básicos, intelectuais e tecnológicos, no âmbito acadêmico e profissional, de forma que os futuros Engenheiros Agrônomos possam compreender, planejar, desenvolver e solucionar problemas tanto na agricultura quanto na pecuária;

Fornecer conceitos básicos e específicos necessários para que os futuros Engenheiros Agrônomos sejam capazes de administrar propriedades rurais, visando a eficiência econômica e a eficácia dos resultados de uma empresa rural, buscando-se o lucro através da comercialização dos produtos obtidos de maneira competitiva e sustentável;

Estimular os estudantes a produzir e disseminar conhecimentos por meio da pesquisa aplicada e da extensão na área agronômica, que impulsionem a busca permanente por alternativas, usando adequadamente as riquezas materiais e culturais da região, de modo a contribuir para o desenvolvimento sustentável;

Formar profissionais que sejam capazes de coordenar estudos e análises, bem como implementar projetos envolvendo a agricultura familiar e a agroecologia;

Formar profissionais preparados para coordenar projetos de empreendimentos rurais, que envolvam a pluriatividade, o associativismo e o cooperativismo na agropecuária;

Formar profissionais com visão sistêmica da produção agrícola e da gestão de políticas públicas no meio rural, com capacidade para gerar tecnologias, operar, maximizar e dar sustentabilidade aos sistemas agroindustriais;

Preparar profissionais capacitados para atuarem e contribuírem para o avanço econômico e social por meio da utilização, adaptação, criação e/ou desenvolvimento de tecnologias aplicadas à agropecuária;

Formar profissionais preparados para analisar, avaliar, orientar e fiscalizar os processos de produção, beneficiamento, conservação, armazenamento e comercialização de produtos agropecuários;

Preparar profissionais capacitados para atuarem em equipes multidisciplinares e com conhecimento de sistema da informação visando o planejamento e a coordenação de projetos que envolvam a agricultura de precisão.

Campo de Atuação: 

Curso de Engenharia Agronômica é um curso eclético, que visa à formação de profissionais habilitados em todos os ramos das ciências agrárias, tanto de pesquisa quanto de ensino e extensão rural, em órgãos públicos ou privados.

 

O engenheiro agrônomo deve ter habilidades para atuar nas seguintes áreas:

  • Fitotecnia – desenvolvimento e aplicação de técnicas de manejo, propagação e produção de plantas frutíferas, medicinais, condimentares e ornamentais; produção de grãos, fibras, raízes, hortaliças, dentre outras.

  • Conservação e Manejo dos Solos – sistemas de cultivo convencional e plantio direto, rotação de culturas, adubação verde, terraceamento e outras técnicas de conservação.

  • Controle Fitossanitário – controle químico, biológico e integrado de pragas e doenças das diversas culturas.

  • Nutrição e Adubação – necessidades nutricionais das plantas, adubação química e orgânica.

  • Melhoramento – obtenção de novos cultivares de plantas através de melhoramento genético e seleção.

  • Paisagismo e Floricultura – cultivo de flores, construção de praças e jardins, arborização, gramados.

  • Pecuária – manejo, reprodução e melhoramento animal, formação de pastagens, conservação de forragens, construção de currais, estábulos e silos.

  • Silvicultura - manejo, produção e comercialização de espécies florestais e seus respectivos produtos.

  • Pós-colheita - utilização de técnicas e tecnologias de processamento de frutos e hortaliças, bem como rotulagem, embalagem, inspeção visando a conservação e a qualidade dos produtos.

  • Engenharia Agrícola - administração de empresa rural, extensão rural, construções e avaliações de imóveis rurais, planejamento, elaboração e execução de projetos que envolvam as áreas de irrigação, drenagem, hidráulica agrícola, mecanização agrícola, topografia, georreferenciamento, geoprocessamento, agricultura de precisão, desenvolvimento e utilização de Tecnologias e softwares agropecuários, processamento e armazenamento de grãos e sementes .

  • Agroecologia e desenvolvimento rural sustentável.

  

Arquivo do Projeto Pedagógico do Curso