Você está aqui: Página Inicial > Notícias > IFTO prorroga inscrições do projeto Contágio do Bem para divulgação de arte e cultura

Notícias

IFTO prorroga inscrições do projeto Contágio do Bem para divulgação de arte e cultura

Enfrentamento ao coronavírus

Vídeos devem ser encaminhados até o próximo dia 20 de maio
por Maiara Sobral publicado: 07/05/2020 18h15 última modificação: 15/05/2020 14h55

Promover a divulgação da arte e da cultura em tempos de distanciamento social. Esse é o foco do projeto Contágio Bem, desenvolvido pelo Instituto Federal do Tocantins (IFTO), por meio da Pró-reitoria de Extensão (Proex). A ideia é disseminar práticas positivas e criativas como estratégia de combate aos efeitos do isolamento físico. Serão aceitos trabalhos, no formato de vídeo, nas seguintes categorias: música, teatro, dança, poesias e cinema de animação.

Confira a Chamada do Contágio do Bem.

É importante observar que cada estudante só pode efetuar a inscrição de um vídeo. As gravações devem ter até 3 minutos de duração e serão enviados para o e-mail: arteecultura.reitoria@ifto.edu.br, até o dia 20 de maio. É importante ressaltar que a ação não tem como objetivo a reunião de pessoas, por isso, os vídeos devem ser feitas por um indivíduo. Em caso de produções com mais de um participante, a comissão não irá avaliar o material. 

Quanto ao uso de músicas no vídeo, para a categoria dança ou para uso em fundo musical, é necessário lembrar a questão dos direitos autorais. Dessa forma, a música deve ser autoral ou disponibilizada na biblioteca do YouTube. Caso essas recomendações não sejam seguidas, o vídeo pode ser retirado do ar e prejudicar a computação  dos votos.

Os autores dos 15 vídeos selecionados ganharão um kit youtuber básico, que consiste em um conjunto de equipamentos para gravações de vídeos com o celular. Já os três vídeos mais curtidos no Instagram e no YouTube do IFTO, durante o período de sete dias, ganharão kits youtuber com equipamentos extras.

"O projeto Contágio do Bem tem o intuito de promover e estimular a produção cultural e a valorização dos talentos dos nossos estudantes, e, ao mesmo tempo, disseminar mensagens e ideias positivas nesse momento de isolamento físico, através da arte", destaca Anne Raelly Figueirêdo, coordenadora de Arte e Cultura.