Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Codir discute recomendações à IN de remoção

Notícias

Codir discute recomendações à IN de remoção

Codir

Dirigentes estiveram reunidos para discutir pontos de pauta
por Maiara Sobral publicado: 22/11/2016 00h00 última modificação: 23/11/2016 08h33


Nesta terça-feira, 22 de novembro, o Colégio de Dirigentes (Codir), do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), esteve reunido para discutir três pontos de pauta: ajuste e funcionamento do ponto eletrônico, proposta de alteração à Instrução Normativa (IN) de remoção e funcionamento do Comitê de Ética em Uso Animal (Ceua).

Quanto ao primeiro ponto, os dirigentes discutiram o alinhamento dos procedimentos adotados nas unidades, assim como o relatório e a homologação das frequências pelas chefias imediatas. Nesse momento, a diretora de Gestão de Pessoas, Edileuza França, destacou a importância da realização de reuniões com os servidores, para que sejam esclarecidos tais pontos, visto que a partir do dia 1º de dezembro, as sanções começarão a ser aplicadas.

Em relação à proposta de alteração da IN de remoção, a presidente da comissão, Juliana Queiroz, apresentou as recomendações encaminhadas pela Procuradoria Federal junto ao IFTO, assim como as sugestões recebidas pela comissão permanente de remoção no âmbito do instituto. O documento será apreciado nesta quarta-feira, 23, pelo Conselho Superior (Consup) do IFTO.

No que diz respeito ao funcionamento do Ceua, os dirigentes discutiram a implantação do comitê na instituição, e o reitor, Francisco Nairton, solicitou o empenho de todos os gestores nesse processo.