Mulheres em Rede

por Diretoria de Comunicação - Vivian Facundes publicado 05/09/2019 10h27, última modificação 06/09/2019 08h51
Coordenado por Sabrina Silva de Carvalho Campus Porto Nacional do IFTO.

Resumo

O Projeto Mulheres em Rede tem como objetivo promover a emancipação de núcleos de mulheres portuenses que se encontram em situação de vulnerabilidade social ou pobreza extrema a partir da produção e comercialização do artesanato.  A tríade , mulheres, artesanato e tecnologias, é uma realidade que confere empoderamento econômico e, consequentemente, o acesso às liberdades que são imprescindíveis a dignidade humana. Conforme Sen ( 2012),  "o desenvolvimento é a expansão de liberdades instrumentais". Dessa forma,  uma sociedade inclusiva proporciona, sobretudo, às mulheres oportunidades econômicas, serviços sociais e liberdades políticas. Nesse sentido, o projeto de extensão:  Mulheres em Rede, visa oportunizar oficinas quinzenais sobre artesanato , empreendedorismo e tecnologias à 30 mulheres ( esposas ou mães de apenados da Casa de Prisão de Porto Nacional, mães de alunos e mulheres em vulnerabilidade social que tenham afinidade com o artesanato) no período entre junho desse ano ao mês de janeiro/ 2020. Serão repassadas técnicas e aperfeiçoamentos artesanais, com ênfase em modelagem crochê, pintura em tecidos, elaboração de bonecas de tecido. Após a confecção desses materiais sob a orientação de professores parceiros serão ofertadas aulas sobre empreendedorismo e economia solidária aliando aulas de administração e informática, posteriormente será preparado um ambiente virtual: E-commerce Mulheres em Rede. O desenvolvimento das técnicas do artesanato aliado ao ensino da administração e da informática ´´e de extrema relevância por atender a comunidade e por aproveitar o capital cultural da instituição. Espera-se que as alunas desenvolvam e comercialize o artesanato, mas que também, obtenham oportunidade de inclusão profissional, a partir do conhecimento, trabalho e renda com a extensão. Para a realização desse projeto é imprescindível o custeio de  dois mil e quinhentos reais para a inclusão dos materiais necessários, tais como, linhas, agulhas, tintas, camisas, tecidos e outros, além de permitir o processo de divulgação e formulação do produto final do projeto, que é a plataforma virtual de comércio do artesanato a nível local e nacional, quiçá internacional

Público Alvo

professores, técnicos administrativos, empresa terceirizada e alunos do nível médio ao superior e também é aberta a comunidade externa.

Período de realização

5/6/2019 a 5/1/2019.